27/04/2019

MOURÃO COGITA RENUNCIAR POR CAUSA DE CARLOS BOLSONARO

 'Se Bolsonaro não me quer, é só me dizer', diz Mourão 


Veja - O vice-presidente Hamilton Mourão disse a familiares que não descarta a saída de renunciar, diante da crise relacionada ao filho do presidente, o vereador do Rio Carlos Bolsonaro.

Segundo a publicação, na companhia de parentes, o general estava calado, triste e teve até teve picos de pressão. “Se Bolsonaro não me quer, é só me dizer. Pego as coisas e vou embora”, desabafou aos familiares.


“O presidente nunca me disse para parar, para não falar com essa ou aquela pessoa. Então, entendo que não estou fazendo nada de errado. Mas se ele quiser que eu pare…”, disse o general.

A relação entre os dois piorou após o vereador Carlos Bolsonaro acusar Mourão de se opor às propostas do presidente, de se aliar a adversários, de se aproximar de empresários importantes, de bajular a mídia, de se apresentar como sensato e transigente .

Um comentário:

  1. VOCE MERECE ESTA NESTE GOVERNO IMBECIL IDIOTA CHEIO DE INCOMPETENTE .FAZ ARMINHA QUE PASSA ESTA RAIVA.TCHAU

    ResponderExcluir