26/04/2019

Propagandas de estatais passarão por aprovação do Planalto,assim como na Coreia do Norte

Após vetar comercial do BB, peças publicitárias das estatais vão passar por aprovação do Planalto

Depois que o presidente da República, Jair Bolsonaro, vetou e mandou retirar uma campanha publicitária  do Banco do Brasil, as agências de publicidade contratadas pelo governo federal foram informadas que, a partir de agora as peças publicitárias de estatais vão passar pela avaliação da Secretaria de Comunicação Social (Secom).

Esta semana, o Palácio do Planalto determinou que o Banco do Brasil retirasse de circulação uma campanha publicitária, cujo mote era a diversidade, por ter desagradado o presidente Jair Bolsonaro (PSL).


Até então, somente os comerciais institucionais, costumavam passar pela Comunicação do Planalto. Ações mercadológicas, como a peça derrubada por Bolsonaro, cuja finalidade é ampliar participação da estatal no setor, na maioria das vezes, precisavam apenas da chancela da instituição que a encomendava.

Nenhum comentário:

Postar um comentário