16/05/2019

Urgente; Barragem de Barão de Cocais deve se romper até 25 de maio

Barragem de Barão de Cocais pode se romper até 25 de maio, diz a Vale

Estimativa foi feita em documento da própria Vale, obtido e divulgado pelo Ministério Público, no documento a mineradora estima que a ruptura da cava da Mina Gongo Soco poderá ocorrer no período de 19 a 25 de maio. O receio é que o impacto possa atingir a Barragem Sul Superior.

A barragem da Mina de Gongo Soco, da Vale, na cidade de Barão de Cocais, poderá se romper entre os dias 19 e 25 de maio. A informação consta em documento obtido pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), produzido pela própria Vale, e traça a estimativa caso a velocidade de aceleração de movimentação do talude norte da cava permaneça a mesma.

Conforme informado pela empresa Vale ao MPMG e outros órgão de Estado, foi verificada uma deformação no talude norte da Cava de Gongo Soco, na Mina de Gongo Soco, passível de provocar a sua ruptura, gerando vibração capaz de ocasionar a liquefação da Barragem Sul Superior, levando ao rompimento da estrutura e, por conseguinte, "danos sociais e humanos imensuráveis para a região", nas palavras do Ministério Público.


A movimentação do talude, distante 1,5 km da barragem Sul Superior da mina, foi detectada anteontem e já confirmada pela própria Vale e pela Defesa Civil, que monitora a situação. Nessa quarta-feira (15), o tenente-coronel Flávio Godinho afirmou que a situação é "preocupante" e que a terra se movimentou, em 12 horas, de 4 para 5 milímetros no local – mas que não é possível precisar se a movimentação irá permanecer.


Nenhum comentário:

Postar um comentário