04/02/2020

José de Abreu: “Fascista a gente trata no cuspe"

José de Abreu: “Fascista a gente trata no cuspe; vagina não transforma mulher em ser humano”

Por meio de áudios enviados à coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, o ator afirmou que "não dá para respeitar quem apoia Bolsonaro nem considerar ser humano um fascista". José de Abreu disse ainda que recebeu o apoio de várias mulheres em seu perfil na rede social.

"E veja quantas mulher me apoiam no Twitter. Fascista não tem sexo. Simone de Beauvoir falava ‘tornar-se mulher’. Vagina não transforma uma mulher em um ser humano. Assim como o pênis não me transforma em um machista misógino.", afirmou.

José de Abreu se mostrou ainda indignado com a nomeação de Regina e afirmou que  "fascista a gente trata no cuspe".

"Como é que uma pessoa dessas [referindo-se a Regina Duarte, que apoia e integrará o governo de Bolsonaro]… não, eu tô indignado. Não dá para respeitar quem apoia o Bolsonaro. Eu não tenho o menor respeito. Para mim não interessa se é homem ou mulher. Não pode. Não pode.

“Não dá para respeitar quem apoia o Bolsonaro. Eu não tenho o menor respeito. Para mim não interessa se é homem ou mulher. Não pode. Não pode. Fascista a gente trata no cuspe. Não há como considerar o fascista um ser humano. E quem apoia fascista, fascista é (…).

Fascista não tem sexo. Vagina não transforma uma mulher em um ser humano.”

Um comentário: